Análise Krull (Atari 2600)

Rodrigo Reche

Krull é um jogo de ação e aventura lançado para o Atari 2600 no longínquo ano de 1983 pela própria Atari para promover e divulgar o filme de mesmo nome. A versão de Atari é um porte de uma versão mais elaborada lançada também para Arcade. Considerado até hoje um dos jogos mais completos e com mais elementos distintos já lançados para o console caseiro, Krull apresenta mecânicas e cenários variados ao longo de todo o jogo. Não sabe que filme estou falando? Nunca viu ele? Seus problemas acabaram! Aperte o play ai no filme que está Dublado!

Enredo

O enredo de Krull é todo baseado no roteiro do filme.

No jogo controlamos o jovem Colwyn para resgatar sua rainha Lyssa sequestrada logo após o seu casamento a mando de um terrível monstro conhecido apenas como a Besta. O jogo se passa no planeta Krull, que dá nome também ao filme, e narra a estória de dois reis muito amigos que decidem unir seus filhos em casamento e assim garantir a prosperidade e união dos reinos. Mais do que salvar a sua amada, o grande desafio de Colwyn é encontrar e alcançar a Fortaleza Negra, o covil da Besta. A fortaleza é móvel e ao primeiro raiar do dia ela se transporta um local diferente fazendo com que a aventura do nosso herói se transforme em uma jornada épica.

No jogo precisamos percorrer os locais do filme em busca de informações sobre a localização da Fortaleza Negra além de coletar as icônicas armas de arremesso em formato de estrelas chamadas glaive para derrotar a Besta e enfim resgatar a nova rainha de Krull.

Análise Krull (Atari 2600)
Linda capa do Krull para o Atari 2600

Jogabilidade

Aqui é onde Krull brilha de maneira magistral. Ao contrário da grande maioria dos jogos de Atari, a jogabilidade muda de acordo com cada tela. Temos fases com combates, saltos e coletas de itens.  O mesmo botão server para um ataque de espadas, um salto, coleta de item ou mesmo arremesso da glaive. É quase como um desses botões de contexto que temos hoje em dia em jogos como Zelda.

Sem dúvida nenhuma essa variedade de modos de jogo abre um leque de possibilidades e aumenta muito o fator replay. Os comandos respondem bem e é gostoso controlar Colwyn pela tela. Com destaques positivos para a primeira e para a última fase.

Gráficos

Krull possui ótimos gráficos e a representação dos elementos do filme na tela do console á bastante competente. É possível distinguir o que é cada elemento na tela e fazer a associação com os elementos vistos no filme. A única observação talvez seja para o Sprite da Besta, que parece extremamente simples se compararmos com a versão do filme, mas não chega a atrapalhar a experiência.

Obviamente temos que levar em consideração as limitações do nosso pequeno gigante Atari. Mas se considerarmos os jogos lançados na mesma época Krull tem gráficos lindíssimos. O destaque positivo ficar para o surgimento da Fortaleza Negra antes da batalha final.

Sons

Krull não possui músicas, exceto por dois ou três acordes que lembram uma marcha nupcial no início da primeira fase, mas para compensar a falta de músicas os efeitos sonoros são muito bem produzidos.

Nada de efeitos irritantes ou que parecem estar deslocados na cena. Pelo contrário os efeitos sonoros são produzidos e soam muito bem em cada uma das situações onde são aplicados. Esqueça aqueles ruídos estridentes do Atari ou aquele efeito sonoro que é introduzido fora de contexto. Aqui isso não existe.

A aplicação dos efeitos é feita de maneira excelente o que deixa o jogo soando mais natural ao ouvido. Eu particularmente gosto do muito do efeito sonoro do arremesso da glaive e também dos ataques da Besta.

Colwyn  com a glaive

 

Fase a Fase

1. O Casamento

A primeira fase acontece durante o casamento real entre Colwyn e Lyssa em um dos castelos do reino. Iniciamos a fase na parte inferior a caminho do altar quando a invasão dos soldados da Besta começa e precisamos deixar Lyssa para lutar contra a invasão.

Aqui o objetivo é acumular pontos e evitar perder vidas. Temos que combater com nossa espada os soldados inimigos que partem em busca de Lyssa desviando das lanças que são arremessadas em nossa direção.

Não importa por quanto tempo você impeça o avanço das tropas inimigas o final é sempre o mesmo Lyssa é sequestrada para o jogo prosseguir.

O Casamento

2. Transição

Assim como no filme todos os locais onde precisamos chegar são distantes e por isso boa parte da jornada acontece sobre cavalos.

No jogo não é diferente. A cada mudança de cenário o deslocamento acontece em cavalos em pequenas e rápidas transições automáticas até o próximo local.

Nessas fases de transição não temos inimigos e nem a possibilidade de morrer, mas temos um objetivo importante aqui: conseguir as glaives de arremesso que serão utilizadas para derrotar a Besta ou mesmo conseguir algumas vidas extras.

As glaives e as vidas aparecem no chão e precisamos apertar o botão no Joystick no exato momento em que nossos cavalos passam por cima do item.

Transição

3. O Lar da Feiticeira Aranha

Como a Fortaleza Negra muda de lugar todos os dias a sua localização é desconhecida pelos nossos heróis e a única pessoa em todo Krull que pode ajudar na localização é a temida Feiticeira Aranha. Chegando no local precisamos acessar a câmara onde a Feiticeira está, mas o local é guardado por uma terrível aranha gigante e se não bastasse isso temos teias pegajosas por todo o cenário.

Aqui o objetivo é simples, porém difícil de ser atingido precisamos evitar as teias que se movem em nossa direção com saltos precisos, além de evitar também a aranha que nos persegue por todo o cenário.

Nosso primeiro objetivo e o único ponto de segurança dessa fase se encontra na parte superior ao centro da tela. Ao chegar até a sala da Feiticeira estamos seguro e nos é revelado o local onde a Fortaleza Negra vai se materializar através de um ponto piscando na fase. Com o local identificados precisamos nos aventurar através das teias novamente e evitando nossa “amiga” aranha até o local onde o ponto piscava.

Feiticeira Aranha

4. Fortaleza Negra

Após mais uma fase de transição com coletas de armas e vidas, se você seguiu o caminho correto apontado pela Feiticeira Aranha a fortaleza se materializa na sua frente.

Finalmente chegou a hora do confronto contra a Besta.

Aqui é possível ver Lyssa presa em uma espécie de cela feita por blocos que são destrutíveis utilizando as armas coletadas.

Para isso precisamos evitar as investidas da Besta e utilizar nossa glaive para criar uma abertura completa para a cela de Lyssa.

O maior desafio aqui é conseguir arremessar a glaive e coletar ela de volta antes dela se perder no espaço ou ser “absorvida” pela Besta.

Antes de libertar Lyssa é impossível atingir a Besta. Se você tentar arremessar a glaive diretamente no inimigo você vai apenas perder sua munição.

Após a abertura para a cela ser aberta você precisa atirar sua glaive dentro da cela para receber a chama do amor de Lyssa para finalmente atirar no monstro e derrotar a Besta.

Após derrotar a Besta e resgatar Lyssa o jogo começa um novo ciclo com a primeira fase, mas como de costume no Atari, com a dificuldade elevada.

Fortaleza Negra

 

 

Considerações Finais

Se hoje temos a premissa de que jogos baseados em filmes são ruins, Krull certamente não participou da criação desse “mantra”. Tanto o jogo quanto o filme são excelentes. Krull é um dos poucos jogos que consegue transportar com maestria as sensações e experiências do filme para o jogo. Toda a atmosfera de fantasia e a sensação de urgência que temos assistindo o filme está presente nesse ótimo título para o Atari 2600.

Até hoje quando visito a biblioteca de jogos do Atari eu volto para apreciar Krull. Acho que esse é um daqueles jogos que vou jogar até o fim da minha vida. Pode ser o fator nostalgia falando mais alto? Pode! Mas quem liga?

Sobre o Autor

Guilherme Ferrari

NA VIDA TUDO É PASSAGEIRO, MENOS O MOTORISTA E O COBRADOR.
administrator
Próxima postagem

Nerdbyte News #19 - Formula E de Double Dragon

Krull é um jogo de ação e aventura lançado para o Atari 2600 no longínquo ano de 1983 pela própria Atari para promover e divulgar o filme de mesmo nome. A versão de Atari é um porte de uma versão mais elaborada lançada também para Arcade. Considerado até hoje um […]
Nerdbyte News #19 - Formula E de Double Dragon