Hell Architect te dá um inferno para você chamar de seu - Análise

Hell Architect te dá um inferno para você chamar de seu – Análise

Jogos de gerenciamento oferecem uma generosa quantidade de desafios na hora de administrar alguma empresa, cidade, ilha, prisão ou qualquer coisa. Mas a Woodland Games juntamente com a publicadora Leonardo Interactive nos presentearam com o mais inusitado e mais divertido gerenciador: Hell Architect. Para quem não sabe, Hell Architect é fruto de uma campanha bem sucedida no Kickstarter.

Aqui você é o novo “GERENTE DO INFERNO” e tem a “infernal” tarefa de construir e gerenciar o inferno – a sua maneira – de forma a impressionar o próprio “Mochila de Criança” (Lúcifer). Fazendo jus a sua proposta, você deve coletar recursos para a construção da sua base/inferno/casa do capeta, ao mesmo tempo que deve suprir as necessidades de seus trabalhadores/pecadores. Caso não tenha entendido, o jogo é muito semelhante ao famoso Fallout Shelter.

 

Tá no inferno, gerencie a casa do capeta!

 

Como funciona o jogo?

O jogo não é simples, é bem infernal! ahauhaua! Trocadilhos a parte, faça as etapas do tutorial, para não cair na mão do capeta, outro trocadilho ruim, chega! Aconselhamos começar pelo tutorial para poder ficar a par da situação, saber onde ficam as ferramentas que tu vai precisar e como extrair o melhor delas (e liberar umas conquistas). Ao final do mini curso do inferno, você pode compreender bem as mecânicas do jogo.

O jogo está totalmente em português

Após completar  o tutorial (que não é obrigatório, mas aconselhamos), podemos optar entre 2 modos de jogatina: o Sandbox (caixa de areia) ou Campanha.

  •  Sandbox: aqui você é livre para criar seu inferninho e deve escolher entre 3 níveis de dificuldade (paraíso, inferno e trevas).😈
    • Paraíso: Mais recursos, menos necessidades dos pecadores. Ou seja, menos preocupação e mais diversão.
    • Inferno: Nem mais, nem menos. Mas a coisa começa a ficar quente!
    • Trevas: inferno, infernoso!!! Os recursos são mais escassos e os pecadores mais mimizentos. Aqui nem o capeta quer ficar!!
  • Campanha: aqui você vai ter que soltar a criatividade e deixar vingar o ser mais perverso e ardiloso de você para completar os 9 ciclos do inferno e suas tarefas infames. Não tenha pena de seus pecadores, porque quem tem pena é galinha! hahahaha, perdão!!!

Independente do modo escolhido, todas as almas perdidas que chegam pelos portões (a cada dez minutos um novo pecador chega) têm suas próprias habilidades e características, então coloque-as para trabalhar coletando recursos e fazendo o trabalho pesado enquanto você se concentra na pesquisa de ferramentas de tortura e comodidades, para garantir que sua estadia no Inferno seja o mais “confortável” possível. Lembrando, que os pecadores têm necessidades como dormir, comer, beber e usar o banheiro. Eeeeeeeeeeeeee, vão pro limbo caso passem muita necessidade!

Não é porque é o inferno que é uma bagunça. Quanto mais almas chegam, mais demandas são colocadas sobre seus recursos, então certifique-se de gerenciar seus trabalhadores e continuar a expandir seu império para impressionar o chefe.

Características dos pecaminosos

Para que a roda do capeta gire e as necessidades dos pecadores sejam supridas, você precisará coletar alguns cristais, metal, sujeira e sofrimento. Pois esses recursos nos ajudam a pesquisar novas tecnologias como cafeteria, cantina, poltronas e instrumentos de tortura que são o puro creme do milho.

Destaque para o Iron Maiden como dispositivos de tortura! Arte dos belos instrumentos de torturantes usada na campanha do Kickstarter.

A fonte de toda a construção é o sofrimento. Literalmente! 

 

A medida que o tempo no submundo vai passando, podemos nos beneficiar dos qualidades dos pecadores e atribuir determinadas tarefas alguns deles. Além disso, eventualmente aparece um pecador Lendário como a odiosa condessa Elizabeth Báthory com habilidades especiais para tunar nosso inferno.

Um pouco de como pode ficar o Inferno bem organizado!! Cabe lembrar que esse é um dos níveis do modo campanha: o inferno rosa!!!

GRÁFICOS E TRILHA SONORA

Os gráficos são encantadores! Apesar de simples, possuem uma qualidade gigantesca e muitos detalhes!

Quanto à trilha, apesar de um Heavy Metal combinar bem com o submundo, parece que o Tinhoso prefere algo mais clean para que possamos escutar os gritos na sessão de tortura!! Embora pra mim, sinônimo de tortura seria me obrigarem a ouvir um funkzão ou um pagodinho all day long! hahahahah (Senhor Coisa Ruim, por favor, não leia isso!)

Segue aí uma amostra do gosto musical do nosso chefão!!!

 

Ser gerente de alguma coisa, nunca foi tãoooo divertido!!!!

 

Sobre a LEONARDO INTERACTIVE

Leonardo Interactive é um reconhecido estúdio com sede em Roma, na Itália, e tem produzido e publicado títulos premiados em todas as principais plataformas. Trazendo jogos para o mercado em mídias físicas e digitais, a empresa fez lançamentos notáveis até o momento, incluindo o premiado Dry Drowning e a aventura de apontar e clicar, Willy Morgan and the Curse of Bone Town. Próximamente, lançará Seed of Life, Hell Architect e a prequela de survival horror Daymare: 1994 Sandcastle até 2021 e além. Leonardo Interactive também é o proprietário da VLG publishing.

Sobre a WOODLAND GAMES

Woodland Games é um estúdio de desenvolvimento da Polônia. Sabemos uma coisa com certeza – queremos dar aos jogadores os melhores jogos que podemos fazer, e jogos que nós mesmos gostaríamos de jogar. Acreditamos que a grande paixão em nosso trabalho pode, e vai, resultar em grandes produtos. Prestamos atenção a cada detalhe dos nossos jogos, desde gráficos até jogabilidade.

 

Obs.: quero ver quem encontra a referência ao Justin Bieber!!!’